COERÊNCIA – Irmão José

COERÊNCIA

O homem sem coerência é um homem sem rumo.

A coerência entre o que pensa, fala e faz revela o grau de equilíbrio da alma.

A luta do cristão no mundo é uma luta por coerência, harmonizando o seu modo de ser com a fé que abraçou.

Entre o que se pensa e o que se faz, o fazer é o mais importante, porque a ação correta acaba por educar o pensamento.

Mil vezes preferível pensar, falar e não fazer, do que não pensar, não falar e fazer o mal.

A pretexto de coerência, nem sempre podemos dizer o que pensamos ou nos mostrar como somos.

Para ser coerente, ninguém necessita ser inflexível em seu ponto de vista.

A coerência no bem permite uma maleabilidade de opinião em favor desse mesmo bem.

Antes de ser coerente consigo, o homem carece de ser coerente com a Verdade.

O mundo sempre impõe ao homem um testemunho coerente com a sua elevação moral.

A fim de ser coerente com Deus, Jesus não hesitou em ser incoerente com os homens.

Irmão José (psic. Carlos Baccelli – do livro “Lições da Vida”)