DECISÃO DE SER MELHOR – Irmão José

Não esperes pela desencarnação, a fim de constatares a realidade da Vida Imperecível e predispores-te à indispensável mudança comportamental.

Ninguém deve ser bom porque sobreviverá à morte, mas, sim, porque, aqui e agora, é chamado a dar significado mais nobre à própria existência.

Quando mesmo a árvore enraizada no solo busca cumprir com a finalidade superior de sua criação, frutescendo e renovando o ar que o homem respira, viver para ti não deve significar apenas e tão-somente ocupar espaço entre os demais.

Movimenta-te, pois, à feição do rio que, a caminho do oceano, fecunda a terra por onde serpenteia, ou como a flor que, desabrochando por um único dia, não se nega a ofertar o seu perfume à vida.

Quem cogita da existência além da morte para tomar a decisão de ser melhor do que é, mesmo que, mais tarde, se reconheça em plena imortalidade, para motivar-se à necessária renovação, há de efetuar novas exigências a Deus.

Irmão José (psic. Carlos Baccelli – do livro “Ajuda-te e o Céu te Ajudará”)