EM SINTONIA COM AS PALAVRAS – Irmão José

EM SINTONIA COM AS PALAVRAS

Enquanto não te vires sob certas necessidades, não saberás o valor que, não raro, assume uma única palavra a qual, no dia-a-dia, talvez estejas cansado de repetir aos outros por mensagem de encorajamento e paz.

Muitos vocábulos, como, por exemplo, o valiosíssimo “paciência”, até que necessites dele, te parecerá recoberto de mera formalidade.

Quantas vezes, pela simples força do hábito, já proferiste orações, sem que, no entanto, te afervoraste na prece quanto te afervoraste ao experimentares o maior peso das provações que sobre ti se abateram?

Não desconsideres, pois, a energia espiritual positiva que determinadas palavras encerram e não as pronuncies a esmo, como se fossem termos comuns, destituídos de vida e luz.

Quando te referires à palavra “perdão” e à palavra “amor”, dentre outras que enobrecem o vocabulário humano, procura entrar em sintonia com o significado profundo que, ao serem pronunciadas, com ênfase, pelos lábios de Jesus, elas passaram a ter para a redenção de teu espírito.

Irmão José (psic. Carlos Baccelli – do livro “Ajuda-te e o Céu te Ajudará”)