ESPELHO – Irmão José

A morte é um espelho que te reflete a alma.

Nele te enxergarás como, de fato, és…

Sem qualquer distorção em tua própria imagem.

Terás ante os teus olhos o que ocultaste aos outros…

E o que, em vão, intentaste esconder de ti mesmo.

Não esperes morrer, para que, enfim, te vejas.

Irmão José e Eurícledes Formiga (Poesias) (psic. Carlos Baccelli – do livro “Frutos da Mediunidade”)