INGRATIDÃO – Irmão José

INGRATIDÃO

Uma das piores formas de ofensa chama-se ingratidão.

Jamais te esqueças de quem, um dia, te estendeu as mãos.

Seja reconhecido àquele que te tenha beneficiado com um simples copo d’água, pois, quem não sabe ser grato aos homens nunca há de ser grato a Deus.

Em essência, uma dívida de gratidão é uma dívida de amor, e, a não ser com o coração, não terás como quitá-la.

Assim como uma casa se levanta sobre a escora de pedras esquecidas, ninguém cresce sem o anônimo apoio de quem lhe ofereceu os ombros para subir.

Irmão José (psic. Carlos Baccelli – do livro “Pai, Perdoa-lhes!”)